Pin It button on image hover

quinta-feira, outubro 01, 2015

Quanto Vale um Perfume No Brasil?


A perfumaria nacional oferece razoável opção em fragrâncias. Na maioria  inspiradas em sucessos internacionais.
Contudo o consumidor brasileiro é voraz quando se trata de cosméticos, produtos de higiene e perfumes.
Naturalmente a procura de clássicos e novidades se volta para outros mercados. E  o jogo de cintura leva inevitavelmente ao e-commerce,  pois  apesar das altas taxas alfandegárias, nada supera o  volume de impostos praticado dentro do Brasil. Para  a produção nacional e para importação. Taxas entre as mais altas do mundo.



Gráfico - Cotação do dólar entre setembro de 2015 e outubro de 2015.
* Dados obtidos em: Dolar Americano (USD) para Brasil Real ( BRL) - História

Quanto vale hoje uma fragrância Chanel para entrar no Brasil?
Hipoteticamente, usaremos como exemplo um Chanel, comprado em e-commerce de famosa loja americana,  que equivale ao preço praticado no site oficial da marca.



 Chanel N.5 de 100ml ou 3,4oz.

 Custo da fragrância no Brasil:

Em setembro de 2015 - USD 132  ==>  R$ 541,00  (no maior pico da cotação do  dólar)
Somando-se  o custo do envio  (hipotético ) em torno de USD 25  ==> aproximadamente R$ 102,00

Custo do perfume ao chegar no Brasil ==> R$ 643,00
Sobre este valor incide 60% de taxas da Receita Federal ou um acréscimo de R$ 386,00. Se houver sorte e não entrar na amostragem passa ileso.

Custo final ==> R$ 1029,00  =  USD 251  o que equivaleria a  aproximadamente  130%  de um  salário mínimo de trabalhador brasileiro ( R$ 788,00  =  USD 192).

Se usarmos como referência o ganho mensal mínimo (*) de um trabalhador americano ( R$ 4.756,00  = USD 1.160 ) a mesma fragrância custaria  aproximadamente 11%  deste salário.

A conclusão é que  está cada vez mais difícil comprarmos nossas fragrâncias preferidas...

Imagens: Dolar de freedomoutpost. Chanel N 5

* Algumas marcas líderes do mercado internacional estão assumindo custos de envio e parte dos impostos ( diminuindo lucro). Provavelmente para não sair do nosso mercado como outras famosas já fizeram. Uma lástima que estejamos em tal situação.

Arte irmã? Talvez na poesia...







4 comentários:

  1. nooossa!
    de 11 pra 130% é um mundo de diferença :/

    ResponderExcluir
  2. Pois é Rafael...aquela coisa eterna... não que sejam caros os perfumes importados, nós que ganhamos mal. E além disto somos taxados demais. Eu que gosto dos ingleses estou bem tristinha...imagina em libras.Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Bom Dia Querida Elizabeth! Passeando pelo blog notei que não existe nenhuma resenha sobre os perfumes de Oscar De La Renta! Aprecio muito os perfumes dessa griffe, o Signature e o Volupté são perfumes fantásticos! O que você acha deles? BJS Rubia

    ResponderExcluir
  4. Oi Rubia, como vai? Eu gosto muito de Volupte! Inclusive tenho um frasco que está no finzinho...nem uso mais para guardar. Tenho certeza que escrevi esta resenha. Talvez tenha se perdido quando troquei de domínio. Vou procurar. Obrigada por levantar a questão. Beijocas e volte sempre.

    ResponderExcluir

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!