Pin It button on image hover

sábado, outubro 18, 2014

Coty & Princesas

Conhecemos a empresa  Coty cosmopolita, cidadã internacional, ao alcance de todos, porém houve época em que a perfumaria esteve no toucador de princesas.
Além do pioneirismo e inovação na arte e no comércio de perfumes Francois Coty, um dos primeiros perfumistas cliente de Rene Lalique,  praticamente reinventou as embalagens e garrafas de vidro para perfumaria.
Mais de 30 garrafinhas foram desenhadas pelo designer para a perfumaria Coty, entre as quais La Violette Pourpre.


Este frasco está relacionado no livro  de Felix Marcilhac, sobre renè Lalique,  como embalagem de Le Muguet Coty, de 1912. Entretanto já existia em 1906.
Não era incomum o mesmo frasco abrigar várias fragrâncias diferentes  mudando-se o rótulo. Ou  o mesmo perfume  ser oferecido em frascos diferentes, como edições de livros.
La Violette Pourpre (1906) não alcançou a mesma popularidade de Muguet (1910) e publicações apontam que seu rótulo apresenta uma figura feminina voluprtuosa com a inscrição La Violette Pourpre  - Coty, Paris France.
Retangular a pequena garrafa é fechada com uma tampa esculpida na forma de borboleta com assinatura Lalique e numeração gravada na base.


No Museu Tsarskoye Selo é exibida uma coleção de seis frascos usados pela Imperatriz Fyodorovna, incluindo seu preferido White Rose  de Atkinsons e várias garrafinhas Coty: Violette PourpreJasmin de Corse e La Rose Jaqueminot.
Consta que as jovens princesas Romanov tinham predileções definidas por diferentes fragrâncias.


Anastasia preferia la Violette Pourpre (1906), Olga  gostava de La Rose Jacqueminot ou Tea Rose (1902), Tatiana usava Jasmin de Corse (1906) e Maria se definiu por  Lilas Pourpre (1911).

4 comentários:

  1. Adorei!!!!!! Adoro a história do perfume, as embalagens. Fico imaginando o cheiro que tinha a antiga realeza, aliás, você poderia fazer um post sobre isso, quais perfumes os monarcas usavam. Rainha Elizabeth I, Maria Antonieta etc...Beijos\!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto muito de história Nathi e juntando com a paixão pela perfumaria... uma delícia. Tentarei a resenha, porém é uma pesquisa demorada. Beijocas

      Excluir
  2. Adoro os Romanov e eu gostaria de saber se esses perfumes ainda estão a venda, como e onde comprar !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii. Difícil. Talvez você encontre alguma coisa no e-commerce de perfumes vintage.Beijocas

      Excluir

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!