Pin It button on image hover

segunda-feira, fevereiro 24, 2014

Baiser Volé eau de toilette - Cartier


ESPÍRITO DA FRAGRÂNCIA.
Beijo roubado!
Beijo de sol, de folhas ao vento, enquanto saias rodopiam, voam laços e fitas.
Beijo de flor, pode até ser de amor.
De chuva ou da água de fonte, mineral a francesa, cubo de gelo...
Transparente, etéreo, cheiroso.


PERCEPÇÃO PESSOAL
Minha percepção de perfumes é estratificada. O cérebro registra, acomoda, empurra, abre espaço...Na primeira impressão senti o verde. Exatamente como havia lido numa descrição. Dos talos à flor.
Esta sensação foi enriquecida posteriormente.
Hoje Baiser Vole eau de toilette se revelou em verde úmido e cítrico, com algumas características de gálbano, ou folhas de violetas,  mergulhado em picância amendoada que me fez afundar o nariz na pele; em busca da noz-moscada.
Folhas se agitam, se quebram, liberam sumos verdes  para introduzir  lírio límpido e translúcido..
Contudo não é o que sinto no meu jardim,  de aroma agudo, fresco, ao mesmo tempo complexo e  aveludado.
Nos acordes de Baiser Vole foram refinados em notas puras, como  açúcar mascavo  quando se transforma em açúcar cristal. A leveza e transparência foge do aroma interativo e rico da natureza, capturando  de forma incisiva e  purificada o acento principal da fragrância de lírios.
Durante um período da evolução o bouquet  despe  acessórios e reina sózinho, aldeídico e sofisticado.
Delicado também.
Ao findar  se cobre de notas adocicadas,  em almíscar e um pouco de âmbar, que se dissolvem disfarçando madeiras suaves, tenuamente enfumaçadas.
Durante a evolução mantém  linha de associação com o floral  de lírios, até os últimos suspiros.


PRÓS E CONTRAS
Cativa-me esta delicadeza de fragrância verde  de folhas, talos  amassados e flor solitária,  a se desprender do frasco requintado e moderno.
Confortável e elegante veste bem no verão, porém provoca curiosidade pelo comportamento em dias de frio cortante.
Revelará novas facetas? Parece-me uma daquelas composições de enganosa simplicidade que nos surpreendem a medida que conquistamos intimidade.
Muitos comentam que tem baixa fixação, entretanto ao voltar para casa parei em conversas com uma vizinha, muitas horas após ter me perfumado e saído. Perguntou-me sobre o perfume  que usava, e comentou quanto era maravilhoso.
Fiquei satisfeita, apesar da minha percepção ser mínima ( acomodação olfativa?),  pois estávamos ao ar livre, cair de noite... e incorporei alma de flor.
Versátil pode ser transportado do ambiente casual para o corporativo ou formal sem perder o equilíbrio.


FICHA TÉCNICA
Família Olfativa: Floral, 2012
Gênero: Feminino
Perfumista: Mathilde Laurent
Designer: Cartier
Rastro: Moderado
Fixação:  Muito Boa
Frasco: Inspirado nos isqueiros Cartier
Campanha: Toni Garn  no Grand Palais - Paris,  produção Craig McDean
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Gálbano, cítricos, folhas de lírio
  • Coração - Rosa, violeta, pétalas de lírio
  • Base - Baunilha, madeira, almíscar

SIMILARIDADES
Cita-se muita semelhança, na fórmula mais leve,  com o lançamento anterior Baiser de Volé eau de parfum  de 2011. Li comparação com notas de Bluebell de Penhaligon's entretanto a proximidade é pálida.

Classificação:

Vídeo
: Música Epilogue de Lee Byeong-Woo - Enviado por MusiqueDePubs

quinta-feira, fevereiro 20, 2014

Explosions d'Emotions II - L'artisan Parfumeur

Explosions d'Emotions, coleção de L'Artisan Perfumeur,  iniciou com 3 belas e distintas  fragrâncias:
- Déliria
- Amour Nocturne
- Skin on Skin
Em 2014, no mês de maio, sob autoria de Bertrand Duchaufour, 3 novas fragrâncias serão oferecidas em perfumarias mundialmente conhecidas.

HAUTE VOLTIGE 



Conceito: Explosão de alegria e exuberância
Família Olfativa:  Chypre floral frutal
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Romã, notas verdes, pimenta preta.
  • Coração - Peônia vermelha, bagas de zimbro
  • Base - Musgo de carvalho, abeto e madeiras

RAPPELLE TOI  


Conceito: Beleza transcedental
Família Olfativa: Floral amadeirado
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Gin e pimenta chinesa
  • Coração - Gardênia e incenso
  • Base - Sândalo, almíscar e mel

ONDE SENSUELLE


Conceito: Desejo voraz e paixão cativante
Família Olfativa: Oriental floral
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Grapefruit e bergamota
  • Coração - Jasmim sambac, gengibre, cominho, cardamomo, zimbro e açafrão
  • Base - Almíscar, notas animalic, âmbar e oud
Imagens: composições de Elisabeth Casagrande



domingo, fevereiro 09, 2014

Escape Women eau de parfum - Calvin Klein


ESPÍRITO DA FRAGRÂNCIA
Verbo ou substantivo a ideia de ESCAPE é FUGA!
Em inglês get away (escapar), run ( fugir), forget ( esquecer), escape ( fuga), exit ( saída), flying ( evasão), release ( libertação), salvage ( salvamento).
Em percepção inicial este clássico da perfumaria Calvin Klein significava composição de classe dentro da família olfativa menos procurada. Ou apreciada: Aquáticos!
Contudo já dizia o ditado... Nunca diga desta água não beberei.
E o calor é tanto, sufocante, angustiante, rodopiando sobre a pele e os sentidos, que  tentei  uma rota de fuga através do olfato.
Banhei-me em águas frescas e  borrifei Escape by Calvin Klein.
Atrevi-me, fui generosa e saí desafiando o tempo, as ondulações do asfalto a provocar miragens, rebelde  não comedida apesar da  paura do enjoo, da cefaléia.
Sensação térmica   de 38ºC dissipando  o bom senso, a praticidade
Contudo, deparei-me com a sensação de complacência perfumada, de benevolente bem-estar, como se a fragrância de espírito marinho atenuasse as agruras do verão escaldante.
Escape foi minha fuga, hoje.


PERCEPÇÂO PESSOAL
Inicia intenso, mistura de fruta cremosa e picância incisiva, aguda.
Percebem-se doçuras extremas atenuando azedinho frutal temperado por nota cítrica.
Oscilante revela aldeídico floral e frutal contundente embalando o acorde centrado na camomila. Antes de se render a tendência oceânica evidencia  exóticos agrumes florais.
Entretanto a doçura de âmbar, almíscar, sândalo e baunilha sobrepujam esta acidez inicial, propiciando conforto e frescor.
Não percebemos cedro e musgo explícitos, porém seus efeitos potencializam  notas aquáticas e aromáticas.
Adormece almiscarado  embora seu rastro, enfim delicado,  perdure por muitas horas.
Notas de cravos, calêndula e cássia  se apresentam em conjunto de especiarias compondo blended indistinto.

PRÓS E CONTRAS
Fragrância repousante, confortável, de inegável  característica oceânica ou aquática que remete a frutos frescos.  Marcante, de  fixação prolongada embora o rastro diminua bastante após 2 ou 3 horas  apresenta o acorde  melão/melancia, embora não pronunciado..
Faz juz ao conceito, idealizado para permitir uma escapada ao stress e agressão do cotidiano urbano.
Simplicidade extrema no frasco minimalista inspirado numa coleção de frascos de viagem de Kelly Klein.
A versão atual ( possivelmente descontinuada a seguir) foi reformulada não apresentando as características de flores e frutas picantes, que garantiam intensidade herbal aromática ao original de 1991.
Apesar de diluída é perfume que rende elogios a quem usa. Fato comprovado.

SIMILARIDADES OLFATIVAS
Comentários em revista on line indicam Sunflowers de Elizabeth Arden , L'eau d'Issey edp de Issey Miyake ,Ille d'Amour de Fragonard e Musk Coty


FICHA TÉCNICA
Família Olfativa: Floral aquático, 1991
Gênero: Feminino
Perfumista: Ann Gottleib
Designer: Calvin Klein
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Frasco: Pierre Dinand
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Camomila azul, lichia, sementes de coentro, ameixa, maçã verde, tangerina, melão, cássia, musgo, jacinto, ylang-ylang, cravo-de-defunto
  • Coração -Jasmim, rosa, lírio-de-maio, pêssego, cravo, cravo-da-índia, calêndula.
  • Base -Baunilha, sândalo, vetiver, almíscar, âmbar, baunilha, cedro, musgo de carvalho
Classificação

Arte Irmã:  Se estivesse numa pintura seria na tela Beach at low tide - Edgar Degas


Imagens: Foto-montagem de Elisabeth Casagrande; Pintura Beach at low tide - Degas