Pin It button on image hover

quinta-feira, janeiro 20, 2011

L'Imperatrice Anthology - Dolce&Gabbana

"III - L'Imperatrice. Una donna in trono, con la corona in testa, ha in mano uno scetto col globo sormontato dalla croce . rege con la mano destra uno scudo con un'aquilla araldica e ha  due alli aperte sulla schiena."
No Tarô (tarocchini) de Marselha  o terceiro arcano é uma mulher sedutora, bela,  no auge da sua feminilidade, símbolo da fecundidade, representada  ocasionalmente na plenitude da gravidez.
Nâofoi esta a primeira impressão a pela fragrância III da coleção Anthology de Dolce & Gabbana, inspirada na  simbologia esotérica;
Doce e  ácido, o acorde frutado e exótico invade os sentidos com persistência, atrevido, alegre como um passeio matinal pelo burburinho dos mercados de frutas.
Sentindo o aroma que não evocava  uma figura de elegante e  luxuosa realeza,   cogitei  a possibilidade de  certa displicência ou interpretação equivocada de  conceitos.

 
Entretanto, a aura mística e misteriosa que envolve os jogos e predições através das cartas de tarô  requer   mais atenção  na interpretação  da personagem  que retrata  maternidade  e essência vital, na  linha temporal feminina.
O que são os frutos  da Terra  senão  produto do milagre da concepção? E não seriam os pomares, jardins e campos  salão majestoso e  ideal  para esta rainha sacerdotisa?
Blended complexo, picante e exótico mistura  odores  de melão, maçã,  kiwi,  talvez ruibarbo e romã; perdura embriagando durante algumas horas, ora fresco e cítrico, ora cálido e condimentado, até nos depararmos com  a insinuante presença de  flores.
Dolce & Gabbana cita  oficialmente a delicadeza rósea do ciclame, apesar do bouquet me  parecer mais rico e profuso,  no aroma  que instiga  pecados capitais. Existe uma intensidade aguda e aldeídica que provoca gula.
L'Imperatrice III é saboroso, mesmo na fase floral, pois  a acidez suculenta do início não nos abandona; embebe a pele de sedução frutal, se arriscando no limite do aceitável para ser apenas aspirada, e não consumida pelos outros sentidos.

Desenvolve porte elegante a medida que se aproxima do drydown, excessos  lapidados pela presença de almíscar  e tênue odor de madeiras cítricas ou diminutas doses de patchuli e vetiver  que  garantem indistintamente  um  frescor leve,  verde e picante.  
A rainha percorreu os campos entrelaçando sua energia com  frutos maduros e suculentos  voltando  para seu repouso ornada com  flores e folhas.
Mais bela coroa ou  adorno não há.


Inúmeras comparações surgem da experimentação de L'Imperatrice pelos consumidores aficionados. Alguns recordam de Raph Lauren, Juicy Couture, e muitos sentem  proximidade com o frutado da linha Eau de Garnier.
Sim, percebível  um pouco de cada em L'Imperatrice, de forma leve e superficial. Contudo o primeiro aroma que emergiu da minha memória olfativa foi a assinatura frutal de Escada, principalmente em Tropical Punch.


Família Olfativa: Floral frutal, 2009
Gênero: Feminino
Marca: Dolce Gabbana
Imagem Publicitária: Mario Testino
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Aroeira, kiwi, ruibarbo
  • Coração - Melancia, ciclame, jasmim
  • Base - Madeira de cítricos, almíscar, sândalo
 Anthology, coleção de Dolce & Gabbana, apresenta  em 2009  simultâneamente diferentes fragrâncias, 3 destinadas ao público feminino e 3 masculinas:
  • XVIII - La Lune
  • X - La Rue de La Fortune
  • III - L'Imperatrice
  • XI - Le Bateleur
  • VI - L'amoreux
  • XI - La Force
Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

 Crédito de imagens:  Cartas de tarot Wikipedia; Imagens publicitárias Dolce&Gabbana

Arte Irmã:  Se acompanhasse uma música andaria pelas estrelas....

VÍDEO:  Escrito nas Estrêlas  - Tetê Espíndola

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!