Pin It button on image hover

segunda-feira, outubro 25, 2010

Verveine En Fleurs - Molinard

A casa Molinard percebeu que mulheres também gostam de verbena, apesar da maioria, em prol da feminilidade explícita, fugir de Eau de Verveine, colônia intensamente amadeirada e inadequada para exibir uma aura de frescor aliado a delicadeza.
Surge Verveine En Fleurs cujo início traz a mesma ardência apimentada, apesar de suavizada, fruto de artifício diluidor da vivacidade do verde intenso desta paleta olfativa.
Lançado em 2003 ao lado de Feuilles de Rose, e Musc et Fruits esta fragrância se destaca
pela leveza floral, cremosa e suave, dos acordes no âmago ou coração.
Notas de abertura se revelam doces em contraposição as de alvo bouquet e folhas verdes, no cítrico luminoso que doma a impetuosidade da verbena.
Doçura é a tônica em contraponto ao amadeirado de Verveine masculino, intenso e cítrico ao longo da evolução, sugerindo a possibilidade da presença de madeira Teca.

Repentinamente o acidulado da verbena atenua, esvaece tomado pelo delicado aroma de pele, morno, na vaga lembrança de flores suaves, que parecem receber diminutas e praticamente imperceptíveis gotículas de benjoim.
Fechado sobre a pele tênue e cremoso, devagarzinho resvala para o desmaiado acento de madeira incensada finalizando a evolução.
Almíscar e âmbar provavelmente participam desta composição levíssima e insossa na qual se transforma Verveine En Fleurs.
Discreta em demasia.

Linha Olfativa: Floral aromático, 2003
Gênero: Feminino
Designer: Molinard
Rastro: De Intenso à fraco
Fixação: Regular

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!