Pin It button on image hover

segunda-feira, maio 03, 2010

Pour Une Femme edp - Caron

Estranha associação de flores e cítricos no blended que emerge, embebido de emanações da base, caracteriza o início de Pour Une Femme.
Entre a doçura da flor de laranjeira e a acidez madura da tangerina aflora um tom brilhante, acre, picante e limpo, simbiótico à característica verde e frutal da rosa e ao especiado de benjoim.
Não perdura desta forma, se embebendo da característica melífera do bouquet que sufoca o travo quase pungente.
Resplandece envolvente e feminino néctar, que se encaminha para a diluição em madeira de sândalo, almíscar e âmbar, embora não atinja a misceginação doce e elegante e clara dos perfumes suaves e neutros.No instigante acorde que surge, brota uma especiaria enfumaçada a delatar obscuro incenso no âmago da rosa, afastando da inocência açucarada de bouquets para se revestir de mistério e sedução, apesar de manter parte da fluidez límpida desenvolvida nos acentos iniciais.
Ao evoluir na pele as notas desembaraçam e revelam ocasionalmente suas características únicas, permitindo perceber o sumo maduro da fruta cítrica, o veludo sensual da pétala de rosa - velado pela especiaria quente do benjoim - ou controvertido toque de resina, parcialmente obscurecido na delicada suavidade.

Ambígua, Pour Une Femme de Caron surpreende revelando inúmeros caminhos à percorrer, mutando de acordo com a natureza feminina que a recebe.
Ora gourmand, ora floral incensado, a fragrância permite em alguns momentos vislumbrar um melífero chypre, embora não possamos sentir patchuli e musgo de carvalho de forma tradicional, definida e clara.Rende-se finalmente aos encantos do âmbar almiscarado, envolvida em poeirento e enfumaçado aconchego, para esquecer o embate entre ardor dos sumos cítricos e o cálido mistério da rosa.
Serge mansau foi especialmente feliz na idealização do frasco que sugere uma silhueta delicada, feminina e leve de contornos indefinidos, parecendo flutuar com o charmoso laço que envolve a cintura.
Etéro na forma, nebuloso na cor e trés charmant!

Família Olfativa: Floral Rosa Violeta, 2001
Gênero: Feminino
Perfumista: Richard Fraysse
Frasco: Serge Mansau
Rastro: Intenso
Fixação
: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Tangerina, flor de laranjeira africana
  • Coração - Rosa, incenso
  • Base - Madeira de sândalo, benjoin, musgo de carvalho, almíscar

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Arte Irmã: Na beleza da música ...
VÍDEO: F..Comme Femme - Salvatore Adamo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!