Pin It button on image hover

domingo, maio 30, 2010

Bond Le Parfum - A B R Barlack

Universo misterioso, irreal, fascinante para milhares de pessoas, há 48 anos, os filmes da série James Bond - o agente 007 nos mostram o espião audacioso, dotado de espírito arguto e controladas emoções.
Entretanto, no decorrer dos anos James Bond se humanizou, cedendo espaço não somente à paixão, enriquecido pelos sentimentos de compaixão e verdadeiro amor.
Papel importante nesta evolução são as incontáveis e belas mulheres conhecidas como "Garotas Bond".
Tal é a importância destas personagens que na elaboração da fragrância tributo à James Bond, criada pela empresa sueca A B R Barlach, um aroma exclusivamente feminino foi desenvolvido.

Jovens, belas e na maioria aparentando doce sensualidade, estas coadjuvantes roubam a cena na tela enquanto em James Bond Le Parfum pour femme, acentos cítricos e frutais brilham e promovem o primeiro ato.
Notas cítricas de bergamota e pêssego se confundem com especiarias frescas, recebendo pinceladas breves de ervas úmidas e ligeiramente mentolados.
Prenunciam um bouquet feminino e sedoso que se abre em orvalhadas violetas, românticas rosas, somadas ao doce calor de peônias e suave polvoroso da íris.
Temperos de sutil apimentado conferem personalidade, escondidos sob as camadas frescas e
acetinadas. Talvez canela, talvez perfumados cravos... a doçura da superfície disfarça e camufla o picante submerso.
Doçura que encobre graciosamente as notas amadeiras suaves e leves, como nos acentos de cedro e sândalo, embora durante a evolução se possa sentir claramente o pontual ardor herbáceo de patchuli.

Em união com seu contemporâneo James Bond L'Homme, o feminino Bond Le Parfum esmaece o intenso coração em fartas camadas de almíscar e âmbar, adicionando baunilha ao melífluo das flores.
Também aqui o frescor herbáceo perdura provocando sensações prazerosas na convivência com esta sillage intensa, que igualmente dissimula suaves e cítricos toques de vetiver.
Hábil criação encomendada à firma francesa de designer, a embalagem translúcida e os frascos inovadores refletem o universo James Bond, reproduzindo nas cores e formas o delicado e atemporal equilíbrio entre fantasia e realidade.
Formas arredondadas dos frasco sugerem desde o tradicional brinquedo infantil - pião - até misteriosas espaçonaves alienígenas, embora os mais românticos possam sugerir duas metades que se completam - universo feminino e masculino.
Tonalidades azuladas parecem acompanhar a trajetória do espião 007 e o mesmo acontece no frasco da cologne, em azul intenso que dilui gradativamente aproximando das bordas, arrematadas por friso de metal frio, claro e fosco.

Cores quentes no dourado do líquido trazem outra ótica para o transparente frasco da garota Bond,cujo acabamento dourado e fosco revela a riqueza da presença feminina, indicando sua influência na trajetória de 007.
Afinal o corajoso e destemido espião somente se rende à sedução da flamejante garota Bond que inevitavelmente surge em seu caminho.
Família Olfativa: Oriental floral, 1995
Gênero: Feminino
Designer: A B.R Barlach
Frasco: Veronique Moretti, Eric Douance
Rastro: Intenso
Fixação: Ótima
Notas Olfativas: Cítricos, notas florais, madeiras, almíscar, baunilha

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 


Arte Irmã: Perfumando um momento musical...

VÍDEO: Golden Eye - The Experience of Love - Eric Serra



Imagens: Imagens James Bond - Museu - oo7 James Bond -1. Capa de Magazine 2. Caledário com Bond Girls 3. Capa de LP - The Best of James Bond ; Concepção e desing- Trade Great of Designer;Photo - James Bond L'Homme e Bond le parfum by Elisabeth Casagrande.

James Bond L'Homme - A B R Barlach

Criados e comercializados nos anos 90, os perfumes femininos e masculinos que homenageiam a saga lendária de 007 - James Bond - são apresentados em criativa e inovadora embalagem fiel ao conceito dos filmes, focando efeitos futuristas e proezas fantástiscas.
James Bond L'Homme é intenso, fresco, picante e docemente floral.
Personagem sedutor, desde 1962 na primeira interpretação de Sean Cornery, o frio e letal espião do século XX esconde um lado doce e meigo que a fragrância consegue espelhar com encantador aroma almiscarado.
Aromático e fresco desde as primeiras notas, pout-pourri de condimentos, folhas e flores apresenta frescor cítrico, que se esconde da suavidade gelada da lavanda, e do apimentado de folhas, possivelmente sálvia, manjerona e agulhas verdes de pinus, compondo clássico acorde masculino especiado.
Em contato com a pele especiarias permitem vislumbrar doçuras apimentadas de cássia, límpidos gerânios e fundo seco e claro do cedro, em acento aromático, levemente balsâmico e floral.
Agradável, o acorde claro mostra ao fundo comedidas porções de incenso e mirra, insuficientes para turvar a transparência ou liberar a característica incensada.
James Bond L'Homme continua sua trajetória incisivo e frio, embora as linhas delineadas com precisão percam a geometria e adquiram contornos cremosos e suaves de almíscar, baunilha e sândalo.

Ao finalizar a evolução o aroma está suavemente aveludado por almíscar, âmbar e notas florais.
Não existe calor animalic pungente na fragrância de James Bond, apenas a fresca aragem das montanhas e picos nevados, a doçura sensual do almíscar aliado à vanilla, talvez em atenuante contraponto para o ardor passional do personagem.
Prolongado, o intenso e ainda picante dulçor envolve numa nuvem de elegante refinamento.
Bond .. seu nome é James Bond L'Homme.

 
Família Olfativa : Floral amadeirado almíscarado, 1995
Gênero: Masculino
Designer: A.B.R.Barlach
Frasco:Veronique Moretti e Eric Douance
Rastro: Intenso 
Fixação: Ótima
Notas Olfativas: Cítricos, notas florais, madeiras, almíscar, baunilha


Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 


Arte Irmã:Perfumando a música

Vídeo:The Living Daylights - John Barry


 Imagens: Série James Bond - Museu - oo7 James Bond- 1. Posters dos filmes Dr No, License to Killer, Cassino Royale 2. James Bond e Flame Girl 3. James Bond - 5 faces - Frascos de James Bond L'Homme de Elisabeth C.

quarta-feira, maio 26, 2010

Cristobal eau de parfum - Balenciaga

Toda a concepção desta fragrância evoca beleza e o faz no frasco refinado e luxuoso que relata com sóbrio refinamento a elegância do aroma, impressão confirmada pela sofisticada imagem publicitária - cálida e sensual.
Seda acetinada e rica sugere a dourada nebulosidade que envolve este bouquet adoçado por baunilha, poeirenta associação com sândalo, almíscar e âmbar em acentos extremamente femininos.
Cristobal Balenciaga exibe dualidade conceitual.
Desperta memórias de vintage toucador, onde negligées esvoaçantes conviviam com emplumadas esponjas de pó-de-arroz a espalhar nuvens sedosas, leves como ar, perfumando pele, tecidos e pensamentos.
Por outro lado revela no dulcíssimo drydown delicioso acorde de baunilha e madeiras que se faz presente nas modernas fragrâncias gourmands da última década.
Todo o conjunto fala de clássica modernidade provocando nostalgia, e ao mesmo tempo se mostrando entrosado às concepções modernas.
Abre-se fresco ostentando um leve picante que pode ser interpretado como associação de cravo e folhas de figo embora nenhum dos aromas esteja claramente definido, justamente a característica que deixa nítida a complexidade destes arranjos.
Flores compõem atraente bouquet, polvilhado por fartos acentos de sândalo, âmbar, almíscar e ressaltado pela generosidade da baunilha, da suave peônia e melosa frésia.
Reforço para a bruma que mantém contornos esmaecidos vem na forma de incenso leve, etéreo que desliza sobre madeiras e especiarias, impedindo que se mostrem em toda intensidade.

Além da característica oscilante entre passado e presente, Cristobal se revela velado e insinuante.
Quando contemplamos frasco e publicidade a expectativa cresce em relação à fragrância. Algumas pessoas se decepcionam, esperando atordoamento dos sentidos típicos da transição entre as décadas 80/90, outras, como eu, se surpreendem com a delicadeza romântica dos acordes orientais, que seduzem o olfato.
Este é um perfume que antecede mulheres sofisticadas, bem cuidadas e seletivas em busca de assinatura contemporânea aliada ao que a tradição traz de melhor.
Notas que se prolongam e deixam entrever o toque de baunilha gourmand, aliada às madeiras leves e incensadas muitas horas após a aplicação.

Em certa ocasião um rapaz pediu ajuda para descobrir qual perfume mulheres elegantes, refinadas e maduras usavam para deixar aquele rastro doce e empoeirado de maquiagem. Lembro-me de ter sugerido LAMB, Amber Cabochard e Cinema; talvez Boudoir, Hanae Mori e CH, apesar dos último salientarem mais as especiarias, baunilha ou madeiras. Hoje certamente Cristobal encabeçaria a lista.

Família Olfativa: Oriental especiado
Gênero: Feminino
Perfumista: Olivier Gillotin
Rastro:Intenso
Fixação: Ótima
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Bergamota, folhas de figo, cravo
  • Coração - Peônia, frésia, jasmim
  • Base - Sândalo, patchuli, baunilha

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Imagens: Pinup negligées, publicidade Balenciaga, lingerie- editorial

segunda-feira, maio 24, 2010

Python Uomo - Trussardi

Python Uomo é sedutor apesar da evolução clássica.
Aproxima-se da pele leve, fresco e insidioso, sem aparentar a força que desenvolve na evolução do aroma suave de folhas pisadas, recém colhidas, talvez para uma chávena de chá, somada ao gourmand fresco de polpas sumarentas.
Ao fundo, surge picante muito sutil para colorir, em breves e cálidas pinceladas, os tons aquosos e herbais.
Notas amadeiradas deixam perceber dulçor que intensifica revelando a influência de fava tonka e baunilha, mantendo equilibrado todo conjunto de condimentos ácidos e apimentados, oriundos das folhas de patchuli , raíz de vetiver e madeiras cítricas; que comedidos se unem ao almíscar, envolvente e cremoso, diluindo um acorde que poderia se tornar pungente e excessivamente agreste.
Python Uomo é masculino, elegante e confortável.
Se não prima pela originalidade sem dúvida é opção versátil, de boa qualidade, condizente com várias ocasiões e temperaturas, apresentando diferenças sutis nas especiarias que ressaltam sua qualidade em comparação à outros do mesmo estilo olfativo.
Usuários comentam proximidade com Eaux de Caron Pure, e a mesma característica refrescante de Escape, Craven ou Happy for men. Sobre a fragrância Caron não posso opinar , quanto as outras percebos algumas similaridades de estilo .
O precursor Phyton, de 1999 é descrito como fragrância oriental, sensual e densa, na doçura de farto e achocolatado bouquet.PYTHON UOMO

Família Olfativa: Aromático Fougere, 2001
Gênero: Masculino
Perfumista: Louise Turner - Quest International
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Madeira de figueira, folhas de chá
  • Coração - Folhas de cipreste, palmeira zalaka
  • Base - Madeira teca ( tectona) da Tailândia, fava tonka, vetiver bourbon, almíscar, notas cumarínicas.
PYTHON

Família Olfativa: Oriental Floral, 1999
Gênero: Masculino
Perfumista:Givaudan Roudan
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - bergamota, tangerina, chocolate
  • Coração - jasmim, rosa, noz moscada, cardamomo
  • Base - madeira de sândalo, benjoim , baunilha
Arte Irmã: Irmanariam com a poesia, também com a música...

Poesia Crítica - João Cabral de Melo Neto

" Como domar a explosão
com mão serena e contida,
sem deixar que se derrame
a flor que traz escondida,

e como, então, trabalhá-la
com mão certa, pouca e extrema:
sem perfumar sua flor,
sem poetizar seu poema"

VÍDEO: Trussardi 1911 Spring Summer -2010


Foto: Montagem de frasco Python Uomo  Trussardi em piton de JPM,2009

domingo, maio 23, 2010

Perfumes de Maio na Vitrine -2010

Alguns comercializados na Europa no primeiro trimeste do ano, outros com lançamento previstos para este ou próximos meses.
Todos definitivamente atraentes nas imagens ou propostas publicitárias.
Aguardando!

PARFUM SACRE EAU DE PARFUM INTENSE by Caron

Em frasco impressivo no tom de violeta a nova fragrância da casa Caron promete opulência e intensidade traduzidas em poderosas notas apimentadas.

Linha Olfativa: Oriental especiado, 2010
Gênero: Feminino
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Canela, pimentas, coentro
  • Coração - Especiarias, rosa, jasmim
  • Base - Almíscar, baunilha, madeira de sândalo, mirra

WOLFGANG JOOP FREIGEIST by JoopFevereiro de 2010 trouxe para o público de Wolfgang Joop ( 2008) a versão Freigeist traduzida para freethinker ( ing) ou pessoa que baseia seus dogmas na razão, lógica e ciência.
A fragrância expressa o homem de pensamento livre.
Família Olfativa:Fougere aromático, 2010
Gênero:Masculino
Perfumista: Sophie Labbe, Alionor Massenet ( IFF- International Flavors and fragrances)
Intensidade: a conferir
Rastro: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Gin
  • Coração - Jasmim
  • Base - Mogno (mahogany), couro

WOMANITY by Thierry Mugler

Lançamento para outono do hemisfério Norte, visa uma integração entre a as mulheres urbanas do mundo, através da sua feminilidade.
Promete uma revolução aromática na criação que aposta em notas contraditórias.

Família Olfativa: 2010
Gênero
:Feminino
Perfumista:Mane
Intensidade: a conferir
Rastro
: a conferir
Notas Olfativas: Figo, madeira de figueira, caviar


BANG by Marc Jacobs

Lançamento previsto para julho de 2010 trará um perfume apimentado, destinado ao homem contemporâneo e de espírito jovem.

Família Olfativa: Amadeirado especiado, 2010
Gênero:Masculino
Perfumista: Ann Gottlieb
Intensidade: a conferir
Rastro: a conferir
Pirâmide Olfativa
:
  • Topo - Aroeira, pimenta preta, pimenta branca
  • Coração - Madeiras
  • Base - Resina de elemi, benjoim, vetiver, patchuli, musgo de carvalho

BEAUTY by Calvin Klein

Comercializado em outubro, será o acessório da mulher madura, que se veste com requinte e sofisticação, como o proposto na publicidade estrelada por Diane Kruger, de Craig McDean em Berlin - fevereiro de 2010.
O conceito foi inspirado nas curvas sinuosas da flor copo-de-leite.

Família Olfativa: Floral, 2010
Gênero:Feminino
Perfumista: Sophie Labbe
Intensidade: a conferir
Rastro: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Almíscar vegetal (ambrette)
  • Coração - Jasmim
  • Base - Cedro

THE ONE GENTLEMAN by Dolce & Gabbana

Esperado para setembro de 2010, logo após as celebrações, em junho, do 20º aniversário de lançamento da linha masculina, traz novamente Matthew McConaughey interpretando a campanhapublicitária que evoca o charme de Marcello Mastroianni, na ótica de jean Baptiste Mondino.

Família Olfativa:oriental, 2010
Gênero: Masculino
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Pimentas
  • Coração - Lavanda, cardamomo, agrião
  • Base - Patchuli, baunilha

SJP - NYC by Sarah Jessica Parker

Idealizado a imagem e semelhança da famosa personagem Carrie Bradshow da série "Sex and City", é apresentado ao público simultâneamente ao segundo filme também inspirado na série .
O slogan "Fashion's in the Air" promete uma fragrância moderna e vibrante.

Família Olfativa: Floral frutal, 2010
Gênero: Feminino
Perfumista: Honorine Blanc - Firmenich
Intensidade
: a conferir
Rastro
: a conferir

Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Jasmim-do-imperador (osmanthus), tangerina, morango
  • Coração - Gardênia, madressilva, absoluto de rosa
  • Base - Almíscar, madeira de sândalo,baunilha, rum
ORIENS by VAn Cleef & Arples
Conceito originado num anel de turmalina e diamantes, reflete a magia das rotas orientais dos antigos caminhos da seda rumo ao Oriente.
Visual encantador no frasco que repete o desenho do clássico anel.

Família Olfativa: Chypre floral frutal, 2010
Gênero: Feminino
Perfumista: Bernard Ellena
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Tangerina, groselha, morango
  • Coração - Jasmim
  • Base - Patchuli, praline (caramelo, baunilha, amêndoas)


HER IRIDESCENT e ESSENCE IRIDESCENT by Narciso Rodriguez
"The velvety fragrance leaves skin delicately scented and iridescent, like a veil of silk."
Mais suaves e luminosos que as propostas anteriores, são lançados para fugir do lugar comum das fragrâncias light ou summer, propondo aromas delicados e leves. Os frascos opalescentes indicam espírito cremoso e soft.

HER IRIDESCENT
Família Olfativa: Chypre floral, 2010
Gênero: Feminino
Perfumista: Francis Kurkdjian
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Notas Olfativas: Mel de flores, almíscares, flor de laranjeira, amberly ( âmbar cinzento sintético), baunilha, vetiver, madeiras

ESSENCE edp ( tradicional)
Família Olfativa: Floral almiscarado,
Gênero: Feminino
Perfumista: Alberto Morillas
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Notas Olfativas: íris, rosa, benjoim, almíscar


FLOWER PARTY by Yves Rocher

Romântico e gourmand. Os aromas mesclados de frutas e flores atingem a clientela mais jovem que procura fragrâncias leves, doces e casuais. Á venda à partir de março de 2010.

Família Olfativa: Floral frutal Gourmand, 2010
Gênero: Feminino
Perfumista: Philippe Romano
Rastro: a conferir
Fixação: a conferir
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Laranja, tangerina
  • Coração - Tintura de rosas, lichia
  • Base - Baunilha
Arte Irmã
VÍDEO: Sarah Jessica Parker's SJP NCY Shoot!



sábado, maio 22, 2010

Yatagan Cologne - Caron

Minha primeira vez...
Já gostava de filar o Vetiver Carven do meu avô, passar Pinho Campos de Jordão, Rastro e English Lavender, quando rolaram meus primeiros trocados como estagiário.
A primeira coisa que comprei foi um relógio, porém a segunda foi bem assim:
Em algum momento de 1982 ou 83 dirigi-me à finada loja de departamentos - Mappin - e fui à seção de perfumes que ficava no térreo.
Nada da enorme variedade atual; importações controladas, muitos perfumes eram engarrafados aqui, da forma que atualmente Memphis faz com os Puig.
Uma charmosa vendedora comentava ativamente tudo que me dava para experimentar, e lembro claramente de Agua Brava, de One Man Show ( ela disse que era melado), de Pour Un Homme de Paco Rabanne ...
Num dado momento ela falou:
-Esse é muito pessoal...
Fiquei perplexo!Aquilo era uma hecatombe vegetal, como se uma motoniveladora tivesse passado sobre a selva, e esta, em fúria, exalasse seus aromas mais intensos para intoxicar os agressores!
- Passo!Saí de lá, naquele dia, com um minúsculo frasco de Café eau de parfum ( era tão bom), entretanto com a inocência perdida, sem conseguir afastar da memória a tal da hecatombe.

Quando apareceu de novo a grana, voltei, e comprei aquele mesmo: YATAGAN de Caron.
Em palavras atuais: além do fantástico acorde que parece com salsão, logo na saída, surge a alma acre de Yatagan que não se trata do luminoso aipo da salada. Há, se é que posso dizer assim, um espírito de coentro e alcaparras, que predomina quando o sentimos em outra pessoa.
Há lavanda, tabaco bem seco, vetiver e couro numa complexidade tal, que dá a impressão de estar borbulhando.
É aroma predominantemente vegetal no fresco apimentado de rabanetes esmagados, e cheira sim a couro de cavalo, mas não tem nada de animalic ou quente.
Se parece com Paco Rabanne, como afirmado em revista eletrônica, somente se retirarem deste toda e qualquer tipo de doçura, atalcado e oleosidade, pois é bem magro, feito só de músculos, não invasivo e inconveniente, um perfume muito elegante.
Lamentavelmente, aqui saiu de moda, mas continua em produção na Franca desde 1976.
Quem tiver oportunidade experimente... ame ou odeie, pois como disse aquela vendedora que hoje deve estar igualmente charmosa, visto que isto não se perde:
- É muito pessoal...
Bonum Diffusivum sui - Contribuição de Aretê
Família Olfativa: Chipre amadeirado, 1976
Gênero: Masculino
Perfumista: Vincent Marcello, Cora
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa I:
  • Topo -Artemísia ( wormwood), lavanda, petitgrain ( óleos cítricos)
  • Coração -Vetiver, patchuli, pinus (pinheiro silvestre), gerânio
  • Base -Couro, cistus ou ládano, castóreum, benjoim( styrax)
Pirâmide Olfativa II:
  • Topo - Lavanda, gálbano, alfavaca, pinus, agrião.
  • Coração - artemísia, musgo de carvalho.
  • Base - almíscar, castoreum, madeiras.
Fotos: Publicidades vintage de Yatagan  by Caron - 1976, 1978; montahe, sobre water in jungle - 3dvistaxp

quinta-feira, maio 20, 2010

Sublime eau de parfum - Jean Patou

Cintilante e límpido por tempo limitado.
Em poucos minutos o cítrico fresco e verde adquire o dourado oriundo de flores doces como o mel , enquanto a luminosidade inicial transmuta para denso ardor apimentado.
Progressiva, esta característica acentua durante o evoluir indicando resinas exóticas, possivelmente asafétida - componente apontado na literatura, complementadas por especiarias que resultam no odor seco e rascante semelhante ao de pimenta preta.
Neste momento flores passam para segundo plano e o bouquet deriva para um aroma quente, instigante, de abrasivo pungente e estranho.
A intensidade crescente deste acorde muda totalmente o perfil da fragrância, negando a promessa inicial de doçura romântica e delicada.
Impressões agressivas e herbáceas passam a atordoar os sentidos provocando expectativa ansiosa pela cremosidade da baunilha que avança lentamente, substituindo tímidamente o aromático medicinal e agreste.

Aproxima-se doçura láctea e refinada, somando delicadeza ao almíscar e âmbar, prolongando os acentos suaves e amadeirados do sândalo, destacado entre madeiras como cedro, e óleos de raízes e folhas.
A sensação intensa de pimentas está em flagrante oposição à soft baunilha do drydown, relutante ao ceder espaço, finalmente sucumbindo e entregando o poder para acordes confortáveis, envolventes, assumindo sua natureza oriental floral.
Sublime é intenso, inesperado e mutante, finalizando suas emanações numa composição sensual, agradável e levemente incensada.

Família Olfativa: Oriental floral, 1992
Gênero: Feminino
Perfumista:Jean Kerleo
Frasco: Xavier Rousseau
Rastro: Intenso à moderado
Fixação
: Ótima
Pirâmide Olfativa
:
  • Topo - Notas herbais, flor de laranjeira, tangerina, ylang ylang
  • Coração - Lírio-do-vale ou lírio selvagem, rosa, jasmim.
  • Base - Vetiver, madeira de sândalo, musgo-de-carvalho, cedro, civeta e baunilha

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Imagens: Banners publicitários de Sublime by Jean Patou, colagem de Elisabeth Casagrande

quarta-feira, maio 19, 2010

Byzance eau de parfum - Rochas

Bizantino, o Império de 1000 anos, se estendeu como domínio romano do Oriente de 330 à 1453 da era cristã, quando turcos otomanos tomaram Istambul, a cidade que nascera grega sob o nome Bizâncio (Byzantium), e se tornara Constantinopla em homenagem ao Imperador romano Constantino que comandou sua reconstrução.
Durante séculos Constantinopla, via de entrada para o Mar Negro, foi palco de aventureiros e conquistadores, nômades transitando pelas rotas de especiaria e seda em direção das Índias. Sob domínio de culturas diferentes foi influenciada pelo politeísmo, monoteísmo, linguagens dignas de Babel e costumes antagônicos.
Byzance de Rochas tenta exprimir em essência a arte rica luxuosa e contraditória desenvolvida neste império milenar, rico em pluralidade, miscigenação e religiosidade.

Fragrância encerrada em belo frasco cujas formas arredondadas, em azul intenso e dourado, lembram locais exóticos.
Bouquet picante, cremoso e abaunilhado q comprova sua vocação de oriental floral, embora acento resinoso com traços de musgo patchuli e vetiver, denuncie um espírito chypre.
Byzance é tão intrigante quanto o histórico Império Bizantino,deliciosamente aromático na multiplicidade de aproximadamente 200 notas diferentes.

Esta característica proporciona um aroma coeso, como um bloco de rocha pontilhado por centenas de pequenas partículas, que produzem nuances diferentes a cada centímetro, embora a visão momentânea seja de padrão único.Saída impactante, forte, poderosa nos atordoa com o aroma soapy, picante e doce exigindo tempo para perceber e diferenciar cravos. anis, condimentos como cardamomo, alfavaca e, talvez, alecrim.

Ocasionalmente emanações cítricas e herbáceas nos atingem lembrando a tangerina suave do início, somando o leve ardido cítrico a outras notas apimentadas.
Pungente e leitosa, angélica ( tuberosa) abre o bouquet poderoso e refinado, suavizado pela elegância de rosas e ylang-ylang. Certamente outras flores participam deste jardim noturno pincelado levemente com incenso, benjoim e madeiras.
Oficialmente estão referidos sândalo e cedro, entretanto estas e outras nobres madeiras parecem sufocadas dentro de resinas apimentadas e herbáceas, conquistando a liberdade quando o ardor esmaece e a fragrância se aproxima do final.

Baunilha adoça este percurso auxiliada pelos acentos cremosos e brandos de almíscar e âmbar, enquanto íris está a lapidar arestas, tenazmente, polindo e arredondando contornos desta gema do oriente, apesar de não expandir sua faceta sedosa e empoeirada.
Fascinante na misteriosa evolução, que nos apresenta surpresas a cada encontro, Byzance reporta à noites escuras e aveludadas, nos faz tropeçar em raízes de árvores seculares entremeadas de flores delicadas, intensamente perfumadas, enquanto favas de vanilla se abrem na escuridão densa e cálida.

Referências apontam proximidade, durante fases da evolução, com Bandit , Salvador Dali edp e Boucheron edp.

Família Olfativa
: Oriental floral, 1987 - 1991
Gênero: Feminino
Perfumista: Nicolas Mamounas, Alberto Morillas
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa


Pirâmide Olfativa
:
  • Topo - Tangerina do Mediterrâneo, cardamomo, alfavaca, nota verdes, especiarias, aldeídos, cravo.
  • Coração - Rosa da Turquia, jasmim, angélica (tuberosa), íris, ylang-ylang, lírio selvagem, aniz estrelado.
  • Base - Madeira de sândalo, almíscar, baunilha, âmbar, cedro, heliotrópio ou jasmim chocolate.

Arte Irmã: Perfumaria belas poesias orientais, ou músicas...

" O vestido de Elif é todo bordado
Ela tem os olhos de um filhote de gavião
Ela tem o cheiro de uma flor da planície
Cheiros que dizem " Elif, Elif"
Poemas turcos compilados por Marco Syrayama de Pinto

Vídeo : Ihlamular  Altinda Veda


Imagens: Frascos publicitários de Byzance Rochas; foto montagem Elisabeth C; frasco luxo Toutenparfums;
Istanbul Blue Yilles; Istanbul Blue Mosque; FrascoByzance de Madame Vintage

domingo, maio 16, 2010

Organza Jasmin eau de parfum - Givenchy

Farfalhar de saias, fluidas , dançantes e joviais.
Organza Jasmim vai a festa, de forma descontraída embora elegantérrima!
Conserva a mesma essência de baunilha amendoada do original e insubstituível Organza eau de parfum com inovadores acordes florais, cristalizados em notas cítricas, conjugadas com a leitosa e apimentada nota de damasco maduro.
Profunda doçura inicia nas flores de laranjeira e madressilva, que praticamente camuflam o jasmim.
Ricas especiarias conferem personalidade petulante e ritmo afastando a fragrância dos aromas desmaiados e delicadamente róseos.
Organza Jasmim
atravessa tranquilamente tardes primaveris e se habilita ao noturno black tie.

Quando habituamos com a refrescante intensidade floral, convida para a intimidade da pele, onde profusamente aspirado revela resinoso picante e doce de ervas, e condimentos exóticos, habilmente misturados... pitadas à quebrar os excessos melífluos.
Baunilha, ladeada por madeiras claras e mentoladas, que não comprometem a leveza da fragrância, noz-moscada condimentando a cremosidade láctea forma a base que exala ocasionalmente breve acento de mel.
Fugaz, como as borbulhas do champanhe, o aroma perde a força e o brilho em poucas horas .

Família Olfativa: Oriental Floral, 2008
Gênero:Feminino
Perfumista: Sophie Labb - IFF
Rastro: Intenso
Fixação: Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo: Notas frutadas, damasco, petit grain, madressilva, neroli ( flor de laranjeira)
  • Coração: Jasmim indiano, flor de laranjeira, gardênia,
  • Base: Baunilha, noz-moscada.
Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Arte Irmã: Perfumaria a música de...
Vídeo: Mooni- Dove


Imagens: Banners publicitários Givenchy e colagem de Elisabeth Casagrande

sábado, maio 15, 2010

Gucci II eau de parfum - Gucci

Absolutamente adorável... tão feminino e primaveril!
Floral frutal é designação extremamente genérica para perfumes, pois podem surgir os mais variados aromas dentro desta família, entretanto Gucci II revela no início o equilíbrio perfeito que deveria estar embutido neste conceito.
Inúmeras notas frutadas mescladas ao bouquet não afastam esta fragrância do caminho dos jardins para os pomares, mas ressaltam o frescor doce e encantador das flores.
Cítricos ardem num breve relance enquanto afloram as impressões de frutas silvestres, vermelhas e ácidas, suculentas, esmagadas contra o cedro vigoroso que se faz sentir emergindo da base.
Especiarias cálidas e amendoadas entram no acorde provocando uma sensação de sedutor e irresistível conforto.
Rapidamente as flores se sucedem e nos surpreendem em múltiplas impressões. A princípio parecem lírios, depois apresentam contornos de jasmim, que acabam se transformando em frescas violetas.
Perplexos nos damos conta que é exatamente isto -um ramalhete farto, colorido, exuberante onde cada flor se une à outra como no degradée das cores do arco-íris.

Simples e ao mesmo tempo sofisticado! Leve e delicado na sua intensidade floral e aldeídica temperada por frutinhas apetitosas, folhas frescas e madeiras.
Alguma ressalva se pode fazer quanto ao frescor levemente síntético, que se traduz numa transparência luminosa, numa indefinida transição entre a límpidez da água e o ar frio das manhãs.
Entretanto esta característica quase sintética faz de Gucci II o aroma perfeito para manhãs frescas e ensolaradas, onde a luz ressalta cores e formas, e o ar seco permite que os cheiros deslizem e nos atinjam com toda sua intensidade.
Apesar desta imagem diáfana não poderia ser caracterizado como fragrância adolescente ou destinada à mulheres extremamente jovens. Existe uma elegância madura e versátil que o torna apropriado para vários ambientes e nos faz perceber que sua doçura transparente cabe perfeitamente em situações formais.
Cedro se faz presente de forma mais enérgica no drydown, apoiado em almíscar e jasmim chocolate ou heliotrópio, numa união prolongada que finda em agradável mansidão.
Gucci II é versátil, contemporâneo e delicadamente floral.

Família Olfativa: Floral Frutal, 2004
Gênero: Feminino
Perfumista: Antoine Maisondieu
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa

Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Laranja de Sevilha, tangerina, cássia e groselha negra ou cassis
  • Coração - Framboesa, Jasmim, violetas, lírio -do-vale, peônia, frésia
  • Base - Heliotrópio, almíscar, cedro

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Imagens: Publicidade Gucci II; composição com frasco Gycci erecortes de imagens de flores e frutos por Elisabeth Casagrande.

sexta-feira, maio 14, 2010

Prada L'Eau Ambrée - Prada


Incrível, sofisticada, preciosa, L'Eau Ambrée conseguiu unir uma base fortemente ambarada sem conseguir apagar a assinatura e o padrão de qualidade de suas antecessoras na marca - Prada e Prada Tendre. Em outras descrições ela também é muito comparada com Infusion d'Iris, mas não posso avaliar, pois desconheço esse último.

L'Eau Ambrée une a personalidade do âmbar e do patchuli com delicadas notas de limão, baunilha e rosas. No drydown aparecem bem evidentes as notas amadeiradas de âmbar e patchuli em mistura atalcada, muito agradável. As notas florais são discretas e um pouco doces. Dessa forma sua estrutura lembra muito a de outro perfume espetacular e criativo, Eau de Merveilles, onde os aromas flutuam no ar sem hierarquias, onde uma nota é preponderante à outra, mas dançam em harmonia simultânea até que a magia do perfume desvaneça.

O conceito por trás de L'Eau Ambrée é a tentativa de criar um tipo de fragrância ambarada mais moderna, fazendo uma completa releitura do âmbar tradicional. Antigamente, este óleo essencial era obtido de resíduo intestinal retirado das baleias ( âmbar gris). Hoje o âmbar é um conceito olfativo obtido através de elementos sintéticos e de óleos essenciais de origem vegetal. Em tempos de responsabilidade ambiental, uma solução ecologicamente mais correta do que o uso das matérias primas de origem animal.

Família Olfativa: Floral amadeirado, 2009
Gênero: Feminino
Perfumista: Daniela Andrier
Rastro: Intenso
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Camélia, bergamota, magnólia branca, rosade maio
  • Coração - âmbar branco, almíscar branco, gardênia
  • Base - Patchuli, opoponax, cedro
Segundo o fabricante, Vênus a deusa do amor e da beleza, símbolo máximo da feminilidade, foi a inspiração para a fragrância, marcando um novo capítulo na história da marca Prada.
No Olimpo as musas eram esculpidas nas paredes, em relevo. Já as de Prada são banhadas de ouro e recebem vida e graça. Nesta nova mitologia musas perfumam umas as outras com a nova fragrância criada especialmente para uma nova mulher, uma nova deusa - como foi concebida na publicidade do produto para tv. As cores da embalagem, branco, preto e ouro são as mesmas da nova coleção fashion da grife.


Em poucas palavras, L"Eau Ambrée é uma fragrância luxuosa, elegante, refinada, quente, mas ao mesmo tempo sutil, que casa bem com compromissos formais e saídas noturnas.Talvez seja, dentre os lançamentos Prada o que melhor incorpora a personalidade da casa: bolsas caras, sapatos impecáveis e muita classe, incorporada como assinatura pessoal de una bella ragazza.

Contribuição de Aline Giselle

E, por fim vamos colocar lenha na fogueira: São numerosos os relatos de que tanto o Prada quanto o Prada Tendré possuem um aroma indefinível que lembra azeitona. Confesso que também senti este rastro no Eau Ambrée. Sendo este perfume a própria imagem do luxo-poder-riqueza-sedução, é evidente que não se trata de uma azeitona de conserva qualquer... é uma azeitona dentro de um dry Martini, bebericado à bordo de seu iate na costa amalfitana... he he... inspirem-se neste vídeo, que não tem azeitonas, mas tem martini e tem o George Clooney"


VÍDEO: Publicidade L"Eau Ambrée - Youtube; Publicidade Martini -Youtube

Imagens: Banners publicitários de Eau Ambrée - Prada