Pin It button on image hover

sexta-feira, março 26, 2010

Miss Balmain eau de toilette - Pierre Balmain

Que arrogante e intensa esta miss!
Se Madame Jolie (1953) era uma afirmação de liberdade, subversiva aos preconceitos de uma época na qual ainda imperava o patriarcado, Miss Balmain (1967) é uma declaração de rebeldia sofisticada e madura disfarçada na aparente docilidade de sua embalagem rósea.
A senhorita Balmain não abre mão da sua feminilidade aqui refletida em flores aldeídicas, mesmo quando envolvida no pungente aroma sharp, nos acordes de couro, resinas e madeiras.
Na proximidade do rebelde, pacífico e químico movimento hippie, miss voluntariosa é contestadora, sofisticada, mesmo na praticidade direta das suas ações.
Senhorita Balmain diz o que pensa, faz o que diz.


Usa rosas delicados sem questionar, desde que acompanhando uma inovadora mini saia de Mary Quant, desviando a atenção do olhar sublinhado por delineador preto, e dos cabelos impecáveis que ostentam glamuroso desfiado.
Enquanto suas amigas se formam nos melhores cursos de Educação para o Lar e rumam para a nave de tradicional igreja, esta senhorita sai do curso científico sonhando cursar Cambridge e percorrer o mundo.
Sem espaço para aromas desmaiados, se deixa envolver pela sensualidade do couro e do agreste acento de patchuli.
Caminha a passos rápidos e decididos nas sandálias plataformas ou botas de cano longo e seu universo fashion transita das boutiques da rua Augusta à lendária Biba e sua atraente decoração art déco na Abingdon Road - Kensington.
Intenso desde o início Miss Balmain chega ao olfato muito diferente do que sugere o cor-de-rosa alegre e inocente da embalagem deixando perceber na nota ardida de indisfarçado herbal e ligeiro cítrico, que o espírito da fragrância é indomável e picante.


Aldeídico e apimentado, este acorde herbáceo apresenta o tom da artemísia e resinas amadeiradas através do composto thujone.
Numa observação mais atenta percebemos desde o início a nota de couro, em animalic denso e resinoso.
Couro, tabaco e resinas envolvem flores tempestuosas como cravos e narcisos.
Patchuli traz bela contribuição reunindo-se com com castoreum e leather enfumaçado, formando um acorde pungente, sedutor, reforçado nas suas características pelas moléculas aldeídicas.
Uma surpresa para os sentidos Miss Balmain pode ser arma de sedução ou provocar imediato antagonismo se ultrapassarmos os limites do bom uso.
Duas gotas e muita personalidade são os quesitos necessários para que ele se revele em absoluta beleza.

Miss Balmain é essência de flores e ervas picantes, aldeídos, nota animalic, madeiras e folhas resinosas, o que resulta numa combinação forte e extremamente percebível.
Se a intensidade é grande, a fixação lhe faz jus.
Sua elegância está ao nível de Y de YSL, a força do couro lembra Cuir de Russie enquanto o acento animalic aproxima de Tabac Blond, embora venha revestido de sedoso dulçor e menor agressividade.
Passadas horas de evolução transmuta em aroma doce e seco denunciando a presença tímida de orris, sândalo e almíscar.
Adormece vigilante e arguto.


Família Olfativ
a: Chypre Floral, 1967
Gênero: Feminino (compartilhável)
Perfumista: Germaine Cellier
Rastro: Intenso
Fixação
: Ótima
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Notas aldeídicas, gardenia, coentro, sálvia (tujona ou thujone)
  • Coração - Jasmim, narciso, orris, cravo (flor)
  • Base - Patchuli, castoreum, vetiver, couro
Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Arte Irmã:
IVídeo: Sylvie Vartan e Johhny Hallyday - C'est Fatal


Imagens: Skirt mini de Mary Quant, woormwood (losna ou artemísia), Miss Balmain foto de Elisabeth Casagrande .

2 comentários:

  1. Elisabeth, bom dia! Bom domingo!
    Adoro ler suas resenhas.
    Uma perguntinha: gosto muito do For Her de Narciso Rodriguez.
    Então, gosto de que tipo de perfume?
    Quais me indicaria dentro dessa linha olfativa?
    Tenho muita dificuldade de escolher perfumes!...

    Obrigada

    ResponderExcluir
  2. Oi Marita.
    É um prazer vê-la por aqui, sempre!
    Narciso é chypre floral com características orientais. É especiado e muito rico em almíscares.As duas famílias tem excelentes opções.
    Os muito parecidos estão na resenhas.
    Tentei pensar como "Marita", selecionar perfumes femininos, chics e exóticos ...acabei numa lista de preferências de Elisabeth !
    Aqui vai um "pout pourri" de perfumes que acho ótimos.
    Eles não se parecem muito, mas são agradabilíssimos.
    Vai provando que um deles pode se transformar naquele "queridinho".
    31 Rue Cambon- chiquérrimo
    Armani Code- singular, diferente
    Balmain Femme- chypre sofisticado
    Botrytis- doçura deliciosa
    Burberry tradicional- chic e diferente
    Coco Mademoiselle -edp e edt- maravilhoso
    Diva- floral intenso e elegantérrimo
    Femme Montblanc- ultra feminino e chic
    Flower kenzo - floral doce picante e delicioso
    Fuel for Life - uma delícia.Sofisticado e jovial
    Gucci by Gucci - super atraente - edt mais leve.
    Happy in Bloom - alegre, leve
    Hypnose Senses- mais delicado e fresco que Hypnose tradicional, menos frutado também.Gostei
    John Galiano- queridinho da Luz, ouvi maravilhas.
    Knowing - amadeirado e feminino- chypre
    La Femme Salhini- meu atual objeto de desejo
    Lady shiloh - estilo Narciso, muito elegante
    Le Baiser du dragon - exótico, refinado
    Noa - Chic, feminino e delicado
    Nilang- Doce delicioso
    The scent of Peace - Um dos melhores Bond9
    Un Bois de Vanille - Baunilha sedutora
    Romance - Aroma clássico e elegante. Um luxo
    Rosewood ( Mahogany) - Uma das surpresas nacionais.
    Espero não ter me alongado muito... Beijocas. Elisabeth

    ResponderExcluir

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!