Pin It button on image hover

sexta-feira, fevereiro 12, 2010

Aquaman - Rochas

Não foi fácil...entender como esse perfume funcionava, mas funciona, funciona e como!
Sim, por que ele realmente tem a atmosfera vaporosa, molhada, embora não seja bem aquele floralzinho amadeirado e leve que nos fizeram acreditar que é aquático, tampouco está construído ao redor do acorde ozônico comum.
O enigma não é seu final, um amadeirado lindo, mas seu começo.
Uma amiga que tem um faro daqueles borrifou e disse: - Vime molhado... uma cadeira de vime que ficou na chuva.
Nesta mesma tarde passei ao lado de um jardim com muitas árvores e folhas secas, que tinha sido regado recentemente. O tal cheiro estava lá.
Deve ser obra do coriandro. Aliás dizem ter cardamomo, mas essa é uma nota que certa vez senti na cozinha e nunca identifiquei num perfume.
Considero-o amargo, seco, leve e super adequado para o clima quente, e no finzinho... aí sim dá para dizer que é aquático.
Contribuição de Aretê

Família Olfativa: Amadeirado especiado, 2001
Gênero: Masculino
Perfumista: Jacques Cavallier
Rastro: Moderado
Fixação: Muito Boa
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Eucalipto, cipreste, grapefruit
  • Coração - Coentro, sálvia, gerânio
  • Base - âmbar, raiz de íris (orris), cardamomo ou pacová
Arte Irmã

Vídeo: The Lake House soundtrack - Paul McCartney

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!