Pin It button on image hover

quinta-feira, agosto 13, 2009

Classique - Jean Paul Gaultier


Um clássico com classe.
Se foi inspirado na Madonna ou num estojo de maquiagem não é relevante.
Criado por Jacques Cavallier, em 1993, transcende a própria inspiração e traduz tudo que a palavra sensual representa para mim: desejo, sedução, intimidade, glamour, poder e elegância.
Sua rica pirâmide olfativa estabelece uma diferença com os sucessos da perfumaria atual, nos quais sensualidade de um aroma é definida pela quantidade de notas doces, dificultando a identificação das demais.
Classique é um perfume de fases bem definidas que não teme amplificar na pele acordes puros como o de flor de laranjeira, com sillage potente, até evoluir para o delicioso aroma de ylang ylang e gengibre misterioso... finalizando com um drydow abaunilhado, ambarino e soapy.
Propositadamente sintético e rétro que abranda, até transformá-lo numa fragrância intimista.
É uma fragrância que se desvenda ao longo das horas, preferencialmente noturnas, e pode acompanhar o início e desfecho de uma noite romântica, metamorfose que vai do provocativo e misterioso início até um doce carinho final.
Devido a sua elegância Classique também é ideal para eventos formais ou festivos.
Trata-se de um perfume alegre, ultra feminino, que marca e destaca positivamente a mulher que usa, combinando bem com as ousadas e confiantes.
Atualmente é um clássico que foi substituído por lançamentos mais comerciais, e certamente está menos popular, mais exclusivo do que há alguns anos.
Recomendo à quem não conhece a experiência de algumas gotinhas no pulso aguardando evolução antes de estabelecer uma opinião... Vale a pena.

O frasco e a apresentação do clássico e contestador perfume são de uma criatividade revolucionária, conciliando vários estilos de propostas.
No lugar da caixa uma lata, ausência da tradicional tampa, frasco fosco lembrando a silhueta de uma mulher num belo corset... líquido rosa salmão cor de pele e carne...ousado!
Edições especiais são um luxo a parte e há para todos os gostos.
Jean Paul Gaultier merece um museu de arte para suas criações andróginas, cibernéticas e com incrível senso de humor.
O perfume apresenta-se nas versões eau de parfum, primeiro lançamento e eau de toilette, posterior.
Diferença sutil de intensidade entre ambos é detectada. Transforma edt numa fragrância mais íntima, picante e adocicada, cujo rastro final, de baunilha, é lânguido e romântico, sendo minha versão favorita.
O edp apesar de mais fechado e intenso no acento frutado, exala glamour do início ao fim como sugere seu belíssimo frasco.

Imagens: 1- Campanha publicitária de 2009; 2-Agradecimento especial ao talento fotográfico e gentileza de Dâmaris O.B.S.

Família Olfativa: Oriental Floral,1993
Perfumista: Jacques Cavallier
Rastro: Intenso
Fixação: Ótima
Pirâmide Olfativa:
  • Topo - Tangerina, flor de laranjeira, aniz estrelado, pera, rosa
  • Coração -Íris, gengibre, ameixa, orquídea,ylang ylang
  • Base - Âmbar, almíscar, baunilha
Contribuição da leitora Luz




8 comentários:

  1. Oi Beth e Luz!
    Adorei essa resenha; realmente o Classique anda meio esquecido, um pecado. Só conheço a versão edt e gosto muito e como tenho procurado o edp para provar gostaria de perguntar à vcs; mas esse lado mais frutado do edp é assim, extremo? marcadod+? Se for eu nem me perco mais em perfumarias na caça kkk
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Betty,o furtado eh um furtado como o frutado do Volupte, neste estilo, nao que sejam parecidos. Acho que voce adoraria a versao EDP, ainda mais do que a EDT. Beijos e obrigada pelo elogio.

    OBS: Este perfume anda mesmo esquecido, uma pena.

    ResponderExcluir
  3. Humm... tenho que experimentar Edp pois dosto muito do frutado leve de Volupte .Uma delicinha. Beijocas, Betty

    ResponderExcluir
  4. Lu !!! O EDT eh mais picante, pois o aroma da flor de laranjeira e gengibre se sentem de forma mais aberta, e a baunilha eh mais manhosa, fixacao excelente. Acho que combina com voce. Porem, se voce procura sillage, como num Poison que vai abrindo-se lentamente na evolucao, entao o EDP pode ser otimo para voce. Vale a pena procura-lo sim ! Beijos !

    ResponderExcluir
  5. Oi Luz.
    Classique é um perfume para se ter pelo menos uma vez na vida. Já experimentei o edt e gostei bastante . Preciso provar o edp para decidir qual será a minha experiência Classique...Acredito que vou gostar. Obrigada flor.Beijocas

    ResponderExcluir
  6. Muito Obrigada Luz e Beth! Vou agarrar um edt em breve kkk! Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oiii, sinto nele uma nota q lembra talco... Rsrrs... Seria alguma flor? Obrigada! Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi Carolyne. Acordes ricos em determinados óleos com aroma de íris, ãmbar branco e almíscar branco tendem a adquirir este caráter empoeirado ou "talcado", principalmente do meio para o final da evolução.Beijocas de Elisabeth

    ResponderExcluir

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!