Pin It button on image hover

sábado, agosto 08, 2009

Aomassai - Parfumerie Generale - PG10

Surpreendente e imprevisível.
O conceito diz ter sido África a musa inspiradora ou ponto de partida.
Maby...
Possivelmente uma África de outras décadas, anteriores ao século XX, quando pioneiros desbravavam e feriam com arrogância a riqueza do belo continente.
Encerra um contraste singular entre refinamento europeu e vitalidade agreste da natureza virgem ressequida pelo sol abrasador.

Aomassai abre-se como um caixa de finos e temperados chocolates, que derretem na boca liberando licores amendoados.
A sensação gustativa e a doçura envolvente são intensas provocando a expectativa de uma orgia de cacau, baunilha, álcool e oleosas nozes... Porém o inesperado acontece!
Rapidamente se esvai a gulosa cremosidade e surge o capim seco, quebradiço, resinoso e quente, totalmente embebido de sol.
Este primeiro contato, absoluto gourmand, lembrou-me essências carameladas, abundantes em notas de baunilha e chocolate presentes nas criações Laura Mercier, La Maison de La Vanille ou Aquolina, somadas ao teor etílico de Usher. Licores requintados.
Bombons finos, café com creme, caramelos, e conhaque...Certamente esta seria uma bandeja farta, aromática e obrigatória nas suntuosas mesas dos colonizadores ingleses espalhados pelas costas africanas, talvez de neerlandezes na África do Sul.

Contudo a evolução da fragrância invade a mata subjacente `as casas coloniais e expande seus horizontes entre savanas de capim seco, animalic sorrateiro e ocasional doçura de flores e frutos selvagens.
O aroma seco e rascante invade o olfato de forma direta e franca, sem preâmbulos que suavizem esta ardência de mato resinoso.
Mas não perdura. Submete-se a doçura repentina e repetidamente, procurando um equilíbrio somente encontrado nas resinas e madeiras de base, que conseguem conduzi-lo à normalidade para qual estamos predispostos.
Doce presumido e elegante onde, aguçando a percepção, poderemos distinguir discretos sândalo e almíscar ladeando tardia e impressivas pimentas.
Fascinante é a dualidade destes acordes, que transmutam num átimo, como se a vida fosse tão breve que cada golfada de ar absorvesse mudanças e inovadas experiências.

Notas de coração e base lembraram-me a densidade dos perfumes Caron e Guerlain, em suas fragrâncias herbáceas e resinosas, ricas em vetiver, gum resinas e incenso.
Idêntica é a sensação de conforto caloroso, de sol a dourar a pele e a natureza circundante despertada em fragrâncias como Aimez Moi de Caron.
Certamente nada é perfeito na alquimia dos aromas, pois este volatiliza na minha pele com velocidade semelhante aos seus caprichos evolutivos, ignorando meus esforços para prolongar a intensidade efêmera, subjugá-lo à minha vontade.
Deve ser um capricho dos deuses!
Seria capaz de usar litros de Aomassai, se pudesse ignorar o valor de escambo, para prolongar a apreciação desta montanha russa olfativa e acelerada.
Com certeza uma experiência olfativa a ser vivida!

Família Olfativa: Oriental amadeirado, 2006
Perfumista:Pierre Guillaume
Gênero: Feminino
Notas Olfativas: Avelã, caramelo, alcaçuz, gum resinas, vetiver, incenso, laranja amarga e madeiras- palo bálsamo.

Vai ao Shopping? Confiras preços e marcas nas boas lojas que abrem suas portas em Perfume Bighouse 

Arte Irmã:The Lion King - Numa Numa

Fotos: Cockade house de www.cotedetexas.blogspot; Imagem publicitária de frasco PG10 Aoumassai -Fragrantica; Chocolate com licor Neuhaus-publicidade; savana africana de Pablo Raphael;Incenso, madeiras e resina de incense inbulk.com

2 comentários:

  1. Esse é outro perfume que adorei , tem um aroma único , ele não é só gourmand como vc mesma disse.
    Adorei a sua comparação com os colonizadores ingleses na África do Sul com seus caramelos , cafés com creme e bombons , foi de dar água na boca.
    Belíssima descrição!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Ju. Obrigada. Sabe que ando cada vez mais surpresa com esta boa perfumaria desenvolvendo fragrâncias no estilo gourmand.
    Tenho descoberto vários muito agradáveis,contruídos sobre notas bem alinhadas e que convencem como perfumes não apenas como uma porção de sobremesa.Beijocas flor. Elisabeth

    ResponderExcluir

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!