Pin It button on image hover

quinta-feira, abril 02, 2009

Frankinsence Myrrh Rose Maroc - perfume oil by Regina Harris


Luxuoso! Frasco em metal prateado, arabescos sobre o vidro, envolvidos por veludo negro.
Pequeno o suficiente para acompanhar em ocasiões sofisticadas ou de pretendida intimidade.
Contém um óleo denso, dourado quase âmbar a reinterar sua proposta de exoticidade e sedução.
Esta oleosidade que se espalha sobre a pele, a princípio decepciona pela suavidade da sillage, pela temporalidade da fragrância.
Eis o mistério.
Avoluma, cresce, a medida que o corpo torna-se mais quente, que a pulsação aumenta.
Um aroma doce e floral denuncia as inebriantes rosas do marrocos.
Tão sedutoras...tão delicadas.


Entretanto não atordoa, pois existem notas leves frescas , ligeiramente aromáticas, adornando pelas laterais, esta imagem onde a rainha absoluta ainda é a flor. Pelo menos no início.
Oriental, misteriosa e doce como o mais fino mel.
Assim compreendo a magia do oriente. Entrevejo entre a suave névoa dos incensos, a dança provocante e sensual, em seus movimentos ora delicados ora vibrantes. Ouço a música que parece um lamento sinuoso, mas de prazer e não do. Sinto o sabor dos frutos exóticos e das iguarias singularmente doces.
Assim vejo o oriente.
Noites densas, estrelas salpicadas, areia e pedras mornas de guardar o sol, bafejadas pelo cálido aroma de flores trazidas de jardins exuberantes, algumas vezes próximos, noutras distantes.


Refletido na evolução que retira a flor da cena principal, exaltando o incenso e seu picante delicado.
Um oriente preguiçoso em convidativas almofadas de cetim adamascado e macios tapetes ricamente elaborados, minuciosamente bordados.
Percebe-se esta suavidade em acorde que evoca almíscar, sândalo e um toque de âmbar.
Terra de paixão e fascínio, belos e viris homens a conquistar encantadoras mulheres, de sensualidade latente, aflorando à pele.
Oriente de adornos em metal, preciosos não pela natureza da matéria, mas pela essência da arte.
Esta arte que percebo no óleo aromático, que não contém exacerbamentos extravagantes, mas floral condimentado  e envolvente.
Rico como o Oriente em sua cultura e hábitos milenares. Rico em mirra e incenso é Frankinsence Myrrh Rose Maroc.


Família Olfativa : Oriental floral
Notas Olfativas : Rosa do Marrocos, incenso e mirra

REGINA HARRIS

Atualmente em New York, esta versátil profissional, com formação em artes plásticas, moda , fotografia e dança (flamenco, indiana e butsh) aventurou-se, além do universo de moda e Lindamente influenciada pela formação no Oriente médio, criou uma coleção de óleos perfumados contidos em frascos artesanais.
Seus trabalhos, no campo fashion, podem ser vistos na Vogue, Elle, W , Marie Claire, outras revistas e livros.
Da sua autoria é cabelo e maquiagem de Matthew Barney( Cremaster Film) assim como a concepção de peças para restropctiva do trabalho de A.Wharhol no Museu Whitney.
Body Pod no Poo (D'Amelio Terras Gallery,1999), uma de suas esculturas participou da amostra de um grupo de trabalho sobre movimentos que simulam e/ou capturam a forma humana.
Focada na beleza, sua sensibilidade olfativa e pessoal levou-a nesta incursão pela perfumaria.

Arte Irmã na música

Vídeo: Phil Thornton & Hossam Ramzy - At the Gates of the Citadel -Albunm Immortal Egypt


Imagens: Publicidade de perfume -Nancymeyer.
Petite Grazy -por Marti Crippa no ensaio Arabesque (bellydance)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei sua opinião ou sugestão e tentarei responder as suas dúvidas!